GNV volta a ficar em alta


15/12/2015 - 11:12

O aumento no preço dos combustíveis refletiu em 304,34% de crescimento na conversão de veículos para GNV (Gás Natural Veicular) na região neste ano, segundo levantamento da Comgás (Companhia de Gás de São Paulo).

Entre janeiro e novembro, foram feitas 23 instalações de kits de GNV no ano passado, número que saltou para 93 neste ano.

A procura surpreendeu convertedores em São José, cidade que conta com cinco empresas. Na região, os usuários encontram 28 postos para abastecer com gás.

Segundo Eliabe Viana, gerente da PMS GNV, no Parque Industrial, zona sul de São José, o número de conversões cresceu de 35 para 100 por mês desde outubro.

 “Nosso movimento triplicou em razão do aumento dos combustíveis. A maioria é de taxistas, mas há muitos clientes domésticos”, disse.

Os kits de conversão saem por R$ 3.900, em média. O retorno do investimento é de menos de um ano para veículos que rodam acima de 2.900 km por mês. Há opções de tanque entre 7,5 e 25 metros cúbicos.

Segundo Viana, o GNV rende o dobro do etanol e 4 quilômetros a mais do que a gasolina. Em São José, o metro cúbico de GNV custa entre R$ 1,89 a R$ 2,10. O do etanol sai por R$ 2,279 a R$ 2,890 e o da gasolina, por R$ 3,169 a R$ 3,890.

 “Decidi fazer a troca para GNV porque estava ficando mais caro rodar com álcool ou gasolina”, disse o comerciante Antonio Santos, que colocou um kit em novembro no carro que usa para distribuir seus produtos.



Fonte: Gazeta de Taubat�
Landirenzo Itália 2009 - LANDIRENZO - Todos os direitos reservados - Tel: 55 27 2125 0500